Obras de duplicação do Viaduto Barros Jr. aparentam estar saindo do papel

População cobra o elevado pronto e diz que ajudará na contenção de engarrafamentos que, são frequentes no local.

VIADUTO BARROS JÚNIOR_FOTO
Viaduto tem previsão de ficar pronto em dezembro / Foto: Hyago Santos – Jornal O Povo

Apesar de ter sido anunciado pelo prefeito Rogério Lisboa que as obras da pista de duplicação do viaduto Barros Júnior, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, seriam retomadas em janeiro deste ano e com previsão de serem entregues em setembro, a população iguaçuana diz não ter visto nenhum progresso no local desde então, e que as obras começaram mesmo há poucos meses.

A pista começou a ser construída em 2014. Porém, em 2016 as obras foram paralisadas permaneceram até o início desse ano, quando foi anunciado o retorno do projeto. Muitas pessoas que moram ali perto dizem que a duplicação vai ajudar muito, pois o engarrafamento caótico dificulta a chegada a vida desse moradores e dos motoristas que usam o viaduto, que é um dos principais acessos a Rodovia Presidente Dutra.

Morador do bairro Racho Novo, Cléber Sampaio, 28 anos, conta que espera essa obra ficar pronta desde o ano passado. Ele diz que a duplicação tem tudo para mudar para melhor o quadro do tráfego naquela região. Mas, para isso, é necessário que a obra continue e vá até o fim.

“Tem tudo para melhorar nossa vida essa duplicação. Mas é aquilo, né. Tem que ficar pronta”, disse ele.

Já o Alcyr, 40 anos, mora no bairro Caioaba. Ele passa pelo trecho todos os dias para trabalhar e disse que agora que está vendo movimento no local desde quando foi anunciado o retorno das obras.

“Desde que foi anunciado ainda não tinha movimento de pessoas trabalhando aí, com tanta frequencia. Vamos ver se agora essa obra sai. Precisamos muito, isso aqui quando congestiona é horrível”, disse.

Custos da duplicação

VIADUTO BARROS JÚNIOR_FOTO_HYAGO SANTOS 1

A obra avaliada em R$ 28,9 milhões é conveniada com o Estado, que entra com 75,5% dos recursos, equivalente a R$ 22,5 milhões. Já o município entra com 24.5%, equivalente a R$ 7.3 milhões. De acordo com a prefeitura de Nova Iguaçu, até o momento foram investidos R$ 6.750.012,17 (Estado) e R$ 5.165.880,95 (Município).

Atualmente o viaduto Barros Júnior tem capacidade de 3.500 veículos/hora por faixa. A duplicação irá dar capacidade de 7 mil veículos/hora nas duas pistas e ligará os dois lados de Nova Iguaçu a Dutra, a partir do Conjunto Habitacional Tertuliano Potiguara, cortando na Estrada de Iguaçu e 420 metros de extensão.

Nessa etapa de retomada dos trabalhos, a Secretaria de Infraestrutura  atua na contenção do trecho, algo que não estava previsto no projeto original. A previsão é que até as dezembro as obras cheguem ao fim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s