Procon Estadual autua 13 estabelecimentos em Nilópolis

O Procon Estadual autuou 13 estabelecimentos comerciais em Nilópolis, nesta quinta-feira (19). Dentre os locais onde foram as constatadas irregularidades, estão cinco supermercados, lojas de eletrodomésticos, lanchonetes e um restaurante. Ao todo, 15 locais foram fiscalizados e 90kg e 580g de produtos impróprios ao consumo descartados.
Um dos autuados foi o supermercado da Rede Economia, onde os fiscais descartaram carnes que estavam sem barreiras de proteção,expostas à manipulação direta pelo consumidor. Foram constatados pontos de ferrugens na porta e nos trilhos da câmara de resfriados, além de piso rachado na câmara de carnes. Os agentes deram prazo de 15 dias para o reparo das irregularidades estruturais.
Já no restaurante Picanha na Brasa, foram encontrados produtos sem especificação de data de validade, entre batata frita, carne, linguiça e frango. Problemas estruturais e de higiene também foram anotados pelos fiscais, como a ausência de tela na área da churrasqueira, piso quebrado, acúmulo de gordura nas paredes, parede sem revestimento, ralo não sifonado e sem tela, câmara com bolor na porta, ferrugem e má vedação. Além disso, o local não possuía certificado de potabilidade da água nem de dedetização.
Na loja  Mundo Verde (Estrada Getúlio Vargas, 1377), foi notificado por manter suas atividade com a ausência de certificado de dedetização. Ausência de alvará de funcionamento.Ausência de certificado do Corpo de Bombeiros. Ausência de certificado de potabilidade da água. Ausência de preços expostos à venda. Ausência do Livro de Reclamações.
Abaixo, outros estabelecimentos autuados

Drogaria São Paulo (Estrada Getúlio Vargas, 1448): Ausência de preço em parte dos produtos expostos à venda. Preços de medicamentos informados estavam desatualizados. Ausência de certificado de licença sanitária.Viggore (Estrada Getúlio Vargas, 1393): Ausência de certificado do Corpo de Bombeiros. Valor do preço da parcela maior que o preço à vista.

Lojas Cem (Estrada Mirandela, 280): Ausência do Livro de Reclamações.

 Lojas Americanas (Estrada Mirandela, 290): Ausência de alvará de funcionamento.Ausência de certificado do Corpo de Bombeiros. Ausência do cartaz do Livro de Reclamações.

Açougue Flor de Nilópolis (Estrada Mirandela, 528): Ausência do Livro de Reclamações. Ausência do Cartaz do Disque 151. Ausência de certificado do Corpo de Bombeiros. Ausência de certificado de potabilidade da água e dedetização. Problemas estruturais: área de manipulação de alimentos com o piso quebrado, câmaras com o piso rugoso e ferrugem. Prazo de 15 dias para reparo. Havia 31kg de carne moída exposta à venda.

Rede Economia (Estrada Getúlio de Moura, 411): Produtos expostos à manipulação direta pelo consumidor sem barreiras de proteção: 12kg de carré, 32kg e 300g de acém. Problemas estruturais: pontos de ferrugens na porta e nos trilhos da câmara de resfriados e piso rachado na câmara de carnes. Prazo de 15 dias para reparo.

Subway (Estrada Mirandela, 561): Ausência do Livro de Reclamações. Ausência de certificado do Corpo de Bombeiros. Ausência de certificado de potabilidade da água e dedetização.

Açougue Paladares (Estrada Mirandela, 614): Ausência do Livro de Reclamações. Ausência do Cartaz do Disque 151. Ausência de certificado do Corpo de Bombeiros. Ausência de certificado de potabilidade da água e dedetização. Problemas estruturais: tendais enferrujados, chão rugoso, portal de madeira. Prazo de 15 dias para reparo. Havia 2kg e 600g de carne moída previamente e exposta a venda.

Prezunic (Estrada Getúlio de Moura, 1591): Vencidos: 2kg e 130g de cogumelo inteiro em conserva. Problemas estruturais: pisos quebrados, parede e prateleiras com ferrugem, pallets de madeira e piso rugoso. Prazo de 15 dias para reparo.

Vianense (Estrada Marechal Castelo Branco, 555): Problemas estruturais: pisos quebrados e ralo não sifonado e sem tela. Prazo de 15 dias para reparo. Havia 2kg de pão francês expostos a venda sem tela de proteção.

Rio Antigo (Estrada Mirandela, 795): Ausência de alvará de funcionamento.Ausência de certificado de potabilidade da água. Ausência do cartaz do Livro de Reclamações. Ausência de certificado do Corpo de Bombeiros. Ausência de preço em produtos no caixa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s